Tecnologia cearense produz energia elétrica a partir do esgoto capaz de carregar celulares

 

 
Foi produzida energia elétrica suficiente para carregar bateria de
celulares e até um sistema de tratamento de resíduos sanitários, em
laboratório, com a matéria orgânica do esgoto. Tal tecnologia foi
desenvolvida no doutorado de uma pesquisadora da Universidade Federal do
Ceará (UFC) e agora deve ser otimizada para aplicação em escala
comercial.
Fernanda Lobo, do Departamento de Engenharia Hidráulica e Ambiental da
UFC, conseguiu produzir hidrogênio, gás ambientalmente sustentável, para
a geração de energia elétrica a partir de reações químicas. “A pesquisa
se iniciou nos Estados Unidos, na Universidade do Colorado, os
primeiros testes foram feitos por mim e uma equipe do grupo de pesquisa
em bioenergia”, explica.
Para isso, um cubo de acrílico funciona como uma pilha, com lado
positivo e negativo, para captar a energia química transformada em
energia elétrica. Os resultados foram publicados na revista Energy &
Environmental Science. “Essa foi a primeira fez que a gente conseguiu
produzir hidrogênio sem nenhuma energia externa, utilizando apenas
energia química da matéria do esgoto”, pontua Fernanda.
A pesquisadora destaca que a tecnologia possui relevância ambiental, por
ser uma alternativa sustentável de manejo do esgoto, além de ter
impacto social e econômico.
Diário do Nordeste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *