“Pedi para Deus me levar”, revela Beto Barbosa sobre período de tratamento do câncer

Após lutar contra um câncer de bexiga neste ano, Beto Barbosa desabafou
sobre a difícil fase de tratamento da doença, em entrevista à Daniela
Albuquerque, apresentadora da RedeTV, nesta sexta-feira (6).
O cantor já se considera completamente curado, mas relembra os dramas
que enfrentou. ““Fiz a cirurgia robótica para retirada dos órgãos e
depois de sete dias comecei a sentir muita dor. Nessa hora pedi para
Deus me levar porque não estava aguentando mais. Cheguei a ficar 20 dias
sem poder tomar água”, desabafou o artista.
Apesar dos momentos de fraqueza, Beto Barbosa conta que conseguiu se
reanimar e reencontrar otimismo para superar a doença. “Eu tinha certeza
que eu ia sair dessa”, disse.
O cantor recebeu apoio de diversas celebridades, entre elas a
apresentadora Ana Furtado, que também já enfrentou uma batalha contra o
câncer.
Diagnóstico errado
Durante conversa com Danilo Gentili, Beto relembrou que recebeu um
diagnóstico errado de um médico que falou que ele tinha apenas uma
infecção urinária. No desabafo, o artista fala que não teria precisado
de cirurgia caso tivesse descoberto o câncer antes.
“Durante um ano o médico dizia que era infecção urinária. Se tivesse
descoberto um ano antes, não tinha tirado próstata, bexiga, uma parte da
uretra, uma parte do intestino”, revela.
Ele deu entrada no hospital no dia 17 de janeiro deste ano, quando
precisou fazer uma cirurgia de retirada dos órgãos que foram
prejudicados pelo câncer. A cirurgia durou 8 horas e, nela, os médicos
reconstituíram uma nova bexiga com a alça do intestino e fizeram a
retirada completa da próstata.
UOL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *