6 são presos em operação contra furto em pousadas de praias

Seis pessoas foram presas, na manhã desta terça-feira (10), suspeitas
de participarem de uma quadrilha especializada em furtos em pousadas no
Ceará. A operação da Polícia Civil intitulada “Piratas do Litoral”
cumpriu cinco mandados de prisão temporária e deteve mais uma pessoa em
flagrante por tráfico de drogas. As ordens judicais foram cumpridas na
Capital e no sistema prisional do Estado.
Segundo o delegado Josafá Filho, titular da Delegacia Metropolitana
de Cascavel, o grupo foi invetigado pela suspeita de cometer um furto
qualificado a uma pousada de Cascavel, localizada na praia de Águas
Belas. O crime aconteceu em agosto de 2019.  “Somente lá, em Águas
Belas, por exemplo, eles furtaram 21 televisores, três frigobares, um
computador, um micro-ondas e um veículo”, conta o delegado.
Com o andamento das investigações, ainda segundo a polícia,
descobriu-se que o grupo cometia os mesmos crimes em outras pousadas do
litoral cearense.
Prisão dos suspeitos
O cumprimento de dois mandados de prisão temporária e a detenção em
flagrante foram realizados no Bairro Vicente Pinzon, em Fortaleza, local
de moradia dos suspeitos.

As outras três ordens judiciais foram cumpridas na Casa de Privação
Provisória de Liberdade Professor Clodoaldo Pinto (CPPL) II, em
Itaitinga, pois os suspeitos foram recentemente presos em flagrante
cometendo furto qualificado a outra pousada na Praia de Lagoinha, em
Paraipaba.

(Diário do Nordeste)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *