Zé do Valério assume autoria de crimes, em Tauá, Quixelô e Pedra Branca


No dia de ontem, 12.07, chegou ao fim uma das maiores caçadas a um
criminoso da história do Ceará. Zé do Valério, como era conhecido, foi
preso pela Polícia Militar do Ceará na localidade de Buriti dos Montes,
zona rural do Estado do Piauí, guiados por um sertanejo corajoso, que ao
invés de dar guarida ao foragido, fez seu papel de cidadão honesto e
acionou as forças de segurança.

Zé do Valério foi encontrado muito debilitado em virtude dos vários dias
na mata, onde relatou ter enfrentado bastante fome e sede durante a
fuga.

Não há como negar o incansável trabalho das várias equipes policiais da
Polícia Civil, Polícia Militar e Guarda Municipal que há mais de dois
meses vem realizando buscas incessantes pelo foragido, abdicando de
folgas e de suas famílias, levando o criminoso ao limite da exaustão.

Após a sua prisão, Zé do Valério foi interrogado pela delegada Titular
de Pedra Branca, Drª Anarda Araujo, onde confessou o homicídio da
universitária Daniele e outros crimes, sendo em seguida transferido para
um estabelecimento prisional adequado e não divulgado pela SSPDS.

Zé do Valério deixou um rastro de crimes por onde passou, fazendo
vítimas em Tauá, Quixelo e Pedra Branca, onde após um trabalho rápido de
investigação promovido por esta Delegacia Municipal conseguiu ser
identificado e reunido elementos suficientes para que fosse decretada
sua prisão preventiva pelo Poder Judiciário.

O POVO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *