Idosa é encontrada morta dentro de casa com sinais de asfixia na Itaoca

A aposentada Maria Rita da Silva, de 73 anos, foi encontrada morta em
casa com um travesseiro no rosto após suposto roubo à residência na
Travessa Equador, no bairro Itaoca, na manhã desta segunda-feira (15). A
vítima apresentava sinais de asfixia. 
Vizinhos da aposentada afirmam ter ouvido por volta das 2h da manhã
latidos de cachorro e um barulho vindo da porta da casa da vítima, como
se estivessem tentando arrombar o local. Familiares de Maria
Rita acreditam que ela tenha sido estuprada e asfixiada em uma tentativa
de assalto, porque segundo eles, os criminosos levaram um televisor de
32 polegadas. 
A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) e o
Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) estão investigando
o caso. Segundo a SSPDS somente com a conclusão do laudo pericial será
possível atestar a causa da morte. 
(Diário do Nordeste)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *