Governador do Ceará reforça apoio a Cid e Eunício para o Senado apesar de oposições de Ciro e do PT

Os tuítes da presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann,
negando qualquer apoio à reeleição de Eunício Oliveira para o Senado
não surtiram efeito nas demonstrações de força do governador Camilo Santana (PT) em apoiar o emedebista. Durante evento de adesão na noite da segunda-feira (30),
Camilo teve a companhia do ex-governador Cid Gomes (PDT) e do
presidente do Senado. A ação reforça a articulação em prol de aliança
informal com o ex-adversário.
Tanto Camilo como Cid têm tentado tratar como natural ou não
polemizar o apoio ao senador, apesar de forças contrárias nos partidos
de ambos. Ontem, a presidente do PT usou sua conta no Twitter para
desmentir que Lula e Eunício trocaram cartas de apoio, informação
veiculada na coluna de Lauro Jardim, do O Globo.
“Lauro Jardim faz fake news. Lula não enviou nenhuma carta de apoio à
candidatura de Eunício de Oliveira ao Senado da República pelo Ceará.
Nem tão pouco o PT decidiu apoiá-lo, nem o apoiará”, escreveu Gleisi.
Ainda assim, o partido definiu durante encontro de tática no sábado
(28) que não vai indicar nome para o Senado e apoiará Cid Gomes. Dessa
forma, com um espaço “vago” na chapa majoritária de Camilo, os
integrantes da aliança têm caminho livre para pedir votos informalmente
para Eunício.
Em entrevista ao site A Voz de Santa Quitéria, no domingo (29), Cid
evitou polemizar sobre as alianças e reforçou o apoio mútuo entre PT e
PDT.
O candidto a presidente da República Ciro Gomes
(PDT) tem tratado como descartável o nome de Eunício, defendendo a
indicação do presidente do PDT, André Figueiredo para a segunda vaga, o
que não deve se consolidar.
No ano passado, Ciro chegou a alertar Camilo de que tomasse cuidado
com “espertalhões” e questionou a mudança de opinião sobre o
ex-adversário. “Como é que um dia desse aí a gente estava falando uma
coisa, e no dia seguinte a gente muda completamente de opinião?”, disse
Ciro.
A candidata a deputada estadual Lia Ferreira Gomes também tem dado
coro ao discurso de Ciro. Em evento com produtores rurais, ela chegou a
pedir boicote ao MDB. “Aqui no Ceará, pelo amor de Deus, não votem em ninguém que começa com 15, nem senador, nem presidente, nem deputado federal, nem deputado estadual. Risquem o 15 da lista de vocês”, declarou.

PT

No sábado, durante encontro de tática do PT, a ala do partido ligada a
deputada federal Luizianne Lins (PT) tentou aprovar a indicação de um
segundo nome do PT para o Senado. Foram derrotados.
“É muito difícil para nós apoiarmos uma candidatura que foi um dos cabeças do golpe
que colocou a Dilma (Rousseff) e o PT fora do governo”, disse o senador
José Pimentel, no sábado. Ele havia se colocado como pré-candidato ao
Senado pelo partido, mas ficou de fora da chapa.
As forças contrárias não parecem atingir o governador. No evento da
segunda-feira, Cid e Eunício ocuparam as pontas da primeira fila,
separados apenas por um corredor. Ao lado de Eunício, ficaram o
presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque, e o prefeito
de Fortaleza, Roberto Cláudio, ambos do PDT. No outro lado, Cid estava
com a esposa, Maria Célia, e a primeira-dama, Onélia Leite. Ciro Gomes
não estava presente.
O grupo político tem até o dia 5 de agosto para formalizar a
candidatura de Camilo Santana à reeleição e dos demais integrantes da
chapa.
Tribuna do Ceará

Muro de sindicato desaba, e população invade para tomar banho de piscina

Dois veículos foram atingidos por um muro que caiu na Rua Rosalvo Quinderé, no Bairro Quintino Cunha, em Fortaleza.

O muro da sede do Sintbem (Sindicato dos Trabalhadores em Instituto
de Estudos Pesquisa) desabou na tarde de segunda-feira (30). Os carros
atingidos ficaram destruídos.
O fato chama a atenção dos moradores da região. Eles afirmam que o
acidente não foi uma surpresa, visto que o muro já apresentava sinais de
que poderia cair. Sem o muro, populares aproveitaram que o local estava
aberto e resolveram tomar banho na piscina do sindicato.

Tribuna do Ceará

Presos cinco suspeitos de ataques a ônibus e prédios públicos

A Polícia Militar e a Polícia Civil divulgaram a prisão de cinco suspeitos de participarem da onda de ataques contra prédios públicos e veículos de transporte coletivo em Fortaleza e Região Metropolitana.
Com
eles, foram achadas uma arma de fogo, munição, entorpecentes e
gasolina. Mais informações serão divulgadas nesta tarde, em entrevista
coletiva na sede da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social
(SSPDS).
 
Foram pelo menos 28 ataques nos últimos cinco dias. Nesta madrugada, seis veículos foram incendiados no 20º Distrito Policial, em Maracanaú. E mais de 40 tiros foram disparados contra o 35º Distrito, na Lagoa Redonda, em Fortaleza.
 
Redação O POVO Online

61 cidades têm risco alto para retorno do vírus do sarampo

A campanha de imunização de 2018 contra a
doença terá início no próximo dia 6. A coordenadora da Sesa destaca que a
vacinação é a medida mais eficaz para evitar a reintrodução do vírus e o
surgimento de novos casos
Com casos confirmados em seis estados brasileiros neste ano, o sarampo
continua representando ameaça ao Ceará. Mesmo sem ocorrências da
enfermidade desde 2015, quando chegou ao fim o surto de dois anos
registrado no Estado, mais de 30% dos municípios cearenses apresentam
risco alto ou muito alto para a reintrodução do vírus da doença,
conforme revela análise da Secretaria da Saúde do Estado (Sesa).
Segundo o órgão, sete cidades possuem risco considerado muito alto e 54
têm risco alto de registrarem novos casos da doença caso o vírus volte a
circular no Ceará. Outras 67 apresentam médio risco e 56 possuem baixas
chances de voltarem a ser afetadas pelo sarampo.
A análise leva em conta indicadores relacionados à qualidade do
programa de imunização e da vigilância epidemiológica, como a taxa de
abandono entre as duas doses da vacina contra a infecção, e
características intrínsecas dos municípios, como densidade populacional e
presença de zonas vulneráveis. A estrutura organizacional para resposta
na rede de saúde pública também é avaliada a partir de dados sobre a
cobertura da Estratégia de Saúde da Família (ESF) e também dos Agentes
Comunitários de Saúde (ACS).
Conforme explica a coordenadora de Vigilância e Saúde da Sesa, Daniele
Queiroz, o Ceará foi o único estado do País cuja cobertura vacinal
contra o sarampo atingiu, no ano passado, a meta de 95% estipulada pelo
Ministério da Saúde. O grande alcance da imunização garante maior
proteção da população contra um novo surto. No entanto, aspectos
próprios de determinados municípios, a exemplo do nível de urbanização e
de adensamento populacional, são favoráveis à proliferação do vírus.
“Esses estudos começaram a ser realizados depois da epidemia e servem
para nortear as ações do período seguinte. Como nós não temos sarampo,
não podemos avaliar o resultado da vigilância pelos casos. Por isso,
utilizamos esses indicadores”, afirma Daniele. “Municípios com alta taxa
de urbanização têm maior risco, assim como os de maior densidade
demográfica, porque a aglomeração de pessoas aumenta o risco de
disseminação caso o vírus chegue”, completa a coordenadora.
A Sesa fez visitas técnicas a 48 municípios com classificação de risco
entre alto e muito alto para planejar estratégias de vacinação de
públicos mais vulneráveis. A campanha de imunização de 2018 contra a
doença terá início no próximo dia 6. Daniele Queiroz destaca que a
vacinação é a medida mais eficaz para evitar a reintrodução do vírus e o
surgimento de novos casos. A cobertura de 95% do público-alvo, segundo a
coordenadora da Sesa, assegura que o vírus não volte a circular no
Estado.
Para atingir a meta, contudo, é preciso combater a taxa de abandono
vacinal. Por se tratar de uma imunização com duas doses, é comum que
parte da população inicie o esquema vacinal, mas não o finalize. “A
estratégia que será lançada em agosto é justamente para corrigir
qualquer falha que exista na cobertura vacinal. É a oportunidade de
colocar em dia a caderneta de vacinação de crianças de 1 ano até menores
de 5 anos e de adultos”, afirma Daniele.
A coordenadora ressalta que a vacinação contra o sarampo também abrange
a população de 12 a 49 anos de idade. Pessoas na faixa etária de 12 a
29 anos precisam receber duas doses da vacina para serem consideradas
protegidas contra o sarampo. Já aquelas com idade entre 30 e 49 anos
precisam apenas de uma dose.
Diário do Nordeste

Número de desempregados recua 5,3% do primeiro para segundo trimestre

O número total de desempregados no país caiu de 13,7 milhões no
primeiro trimestre deste ano para 13 milhões no segundo trimestre.
Segundo os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua
(PNAD-C), divulgados hoje (31) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e
Estatística (IBGE), de um trimestre para outro, houve uma queda de 723 mil pessoas na população desocupada, ou seja, de 5,3%.
Na comparação com o segundo trimestre do ano passado, também houve queda: 520 mil pessoas ou 3,9%.
A taxa de desemprego foi outro indicador que
apresentou queda nesta edição da PNAD-C de 13,1%, no primeiro trimestre,
para 12,4% no segundo trimestre do ano. No segundo trimestre do ano
passado, a taxa era de 13%.
A população ocupada ficou em 91,2 milhões de pessoas,
crescimentos de 0,7% (mais 657 mil pessoas) em relação ao trimestre
anterior e de 1,1% (mais 1 milhão de pessoas) na comparação com o
segundo trimestre de 2017.
Informalidade
Apesar disso, o crescimento do contingente de ocupados foi puxado pelos trabalhadores sem carteira assinada
e aqueles que trabalham por conta própria. O número de empregados com
carteira de trabalho assinada no setor privado, de 32,8 milhões,
manteve-se estável em relação ao primeiro trimestre e caiu 1,5% (menos
497 mil pessoas) na comparação com o segundo trimestre de 2017.
O número de empregados sem carteira (11 milhões) cresceu 2,6% (mais 276
mil pessoas) em relação ao trimestre anterior e 3,5% (mais 367 mil
pessoas) em relação ao segundo trimestre do ano passado.
A categoria dos trabalhadores por conta própria (23,1
milhões de pessoas) ficou estável em relação ao trimestre anterior e
cresceu 2,5% (mais 555 mil pessoas) na comparação com o segundo
trimestre de 2017.
Setores
Entre os dez grupamentos de atividades da economia, apenas dois tiveram
crescimento nos postos de trabalho em relação ao primeiro trimestre: indústria geral (2,5%) e administração pública, defesa, saúde e educação (3,8%). Os demais setores mantiveram-se estáveis.
Na comparação com o segundo trimestre de 2017, também houve aumento em dois setores: administração pública, defesa, saúde e educação (3,7%) e outros serviços (6%).
Rendimento
O rendimento médio real habitual ficou em R$ 2.198 no
segundo trimestre deste ano, relativamente estável tanto em relação ao
trimestre anterior quanto na comparação com o segundo trimestre do ano
passado.
Diário do Nordeste

Golpe clona contas de WhatsApp para pedir dinheiro ao contatos da vítima

Criminosos que agem no ambiente digital estão sempre em busca de
maneiras de fazer novas vítimas e aplicar golpes. Recentemente, um golpe
aplicado através da clonagem do aplicativo WhatsApp se
popularizou, atingindo até mesmo políticos brasileiros. Nesta fraude,
os criminosos utilizam uma conta replicada do aplicativo de mensagens
para pedir dinheiro aos contatos da vítima.
O golpe não é tão recente, mas chamou atenção nos últimos meses quando
fez vítimas no Congresso brasileiro. Entre os que acabaram tendo suas
contas de WhatsApp clonadas estão o ministro da Secretaria Geral da
Presidência, Carlos Marun, e o ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha. Em ambos os casos, os criminosos tiveram acesso aos perfis das vítimas no aplicativo de mensagens e, se passando pelos políticos, passaram a solicitar de seus contatos transferências bancárias.
O professor Marcos Monteiro, presidente da Associação de Peritos em
Computação Forense (APECOF), explica que o golpe tem início com a clonagem do chip da vítima através de um esquema que, geralmente, envolve funcionários das operadoras de telefonia.
E não através de um software, como citado em recente boato divulgado em
grupos de WhatsApp. Com o chip clonado já instalado em um novo
aparelho, os criminosos recuperam a conta do WhatsApp da vítima e
começam a se passar por ela. 
Outra forma de ação neste tipo de golpe depende diretamente da
participação da pessoa alvo. Nestes casos, a ativação do aplicativo
clonado depende de um código de autenticação, recebido
via sms no celular da vítima. Para ter acesso a esse código o autor do
golpe geralmente age de duas formas: ou obtém acesso físico ao
smartphone da vítima e assim verifica o código de autenticação ou entra
em contato através de sms e solicita que o usuário informe o código.
Neste último caso, o criminoso geralmente utiliza-se de artifícios para enganar a vítima,
como dizer que o usuário está participando de uma promoção ou que a
informação é necessária para uma investigação policial, entre outros.
Quando o WhatsApp é reinstalado em um novo aparelho, todo o histórico de contatos e conversas são recuperados, o que permite aos criminosos terem acesso à diversas informações pessoais sobre a vítima,
além de toda sua rede de contatos. Com posse destas informações, os
bandidos tem maior facilidade em identificar quem são os contatos com
maior probabilidade de cair no golpe e realizar as transferências.
Em muitos casos, os criminosos pedem a pessoas próximas do usuário que
teve o perfil clonado para realizarem transferências e pagamentos
alegando que não possuem mais saldo ou que já atingiram o limite permitido pelo aplicativo do banco. Eles ainda solicitam essas transferências como forma de empréstimo.
Como acreditam estar falando com um familiar ou amigo, as pessoas
contactadas acabam caindo na conversa dos criminosos e efetuando o
repasse.
As vítimas deste golpe podem tomar algumas providências: ao perceber que o celular está sem serviço e o aplicativo de WhatsApp não funciona, o usuário pode entrar em contato com a operadora e solicitar que o chip seja desativado; pode ainda contratar um perito especialista em crimes digitais para investigar o caso.
Para evitar ser vítima deste tipo de golpe, o professor Marcos Monteiro recomenda que os usuários não repassem informações pessoais a terceiros.
“Sempre ache estranho alguém vir pedir informações pessoais sobre algo
que você sabe e sobre algo que você tem”, recomenda. Outra medida é ativar a verificação em duas etapas disponível
nas configurações do próprio WhatsApp. Com esta opção ativada, um
número PIN cadastrado será solicitado todas as vezes em que o aplicativo
for reinstalado.
Diário do Nordeste

Praças novas prontas para serem inaugurada e mais uma em construção em Ipu

Praça Esportiva das Casas Populares
A Prefeitura de  Ipu  irá inaugurar nesse mês de agosto durante a semana de comemoração do aniversário da cidade as
obras de construção de três novas praças, localizadas nas Casas Populares e Avenida José Carvalho de Aragão (ao lado da Escola Mons. Gonçalo Lima) ambas no Alto da Boa Vista e no Bairro Canudos. 
O secretário municipal de Obras, Gilvan Aragão, esteve  na semana passada realizando
visitas em várias obras que já estão parcialmente prontas para ser
entregue à população durante a comemoração, além das Praças está prevista a inauguração do Centro de Educação Infantil – CEI, da Reforma e ampliação do Estádio
Municipal – Antônio Pereira de Farias, das Entradas da cidade e dos calçamentos em ruas
dos bairros e distritos do município.
Praça Luiz Gonzaga Paulo, construída ao lado da Escola Mons. Gonçalo Lima
Outra praça que ainda se encontra em construção e está prevista a inauguração na semana do município será a Praça do bairro Canudos. A obra esta sendo feita no cruzamento da Avenida Auton Aragão com a Rua Caboclinho Mourão. Orçada em 42.710,92 (Quarenta e dois mil, setecentos e dez reais e noventa e dois centavos).
Galeria de fotos
Praças novas em Ipu (Casas Populares, Boa Vista e Canudos)
Leia também

Políticos de Ipu participam de jantar de lançamento da pré-candidatura à reeleição de Camilo Santana

O Prefeito Sérgio Rufino e alguns dos vereadores de sua base participaram na noite desta segunda-feira (30/07) no Marina Park Hotel de jantar de lançamento da pré-candidatura à reeleição do governador Camilo Santana (PT).
O evento reuniu prefeitos como Roberto Cláudio, o ex-governador e pré-candidato ao Senado, Cid Gomes (PDT), com o
presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira (MDB), deputados estaduais e
federais, vereadores, dirigentes de partidos políticos e lideranças do
Interior. Lideranças do setor empresarial também participarão do
encontro.
Camilo aproveitou a oportunidade para palestrar sobre o tema Estratégias para o Desenvolvimento do Ceará. O evento teve também como objetivo mobilizar os aliados para a arrecadação de recursos destinados à campanha das eleições de 2018.

Arma de fogo é apreendida com dupla na zona rural de São Benedito (CE)

 O fato ocorreu nesta segunda-feira (30/07), por volta das 19h00 na cidade de São Benedito (CE).

A equipe Raio estava fazendo diligências quando receberam uma denúncias de um rapaz com o nome de Alex Isaias de Medeiros Júnior que estaria portando uma arma de fogo pelo na localidade do Sítio Lagoa 02.

O jovem foi interrogado sobre a devida arma de fogo que o próprio veio a assumir que teria uma arma de calibre 32 mas a arma não estaria na sua residência porque teria emprestado a um amigo de nome que reside no endereço do sítio Jussara dos Vinutos, em São Benedito.
Ao chegar na residência de Lucas o mesmo se encontrava na calçada na companhia de amigos no qual o mesmo foi interrogado pela composição assim o mesmo assumiu estar com a arma de calibre 32 na sua residência e que a devida arma seria de Alex.
Assim foi dada a voz de prisão nos elementos no qual foram conduzidos ate a delegacia de Tianguá (CE) para lavrar o devido procedimento. 
Tanto Alex quanto o Lucas foram atuado no Estatuto do Desarmamento.

Repórter Gonçalinho Rodrigues

Remédio e merenda escolar com prazos vencidos em Tianguá

Todos os alimentos estão estocados no depósito que acomoda a merenda
escolar deste Município da Serra da Ibiapaba, região Norte do Estado.
Produtos como leite, arroz, feijão, macarrão, biscoitos, de diversas
marcas e sabores, além de temperos, conservas e carnes, destinados às
cozinhas das 63 escolas da rede municipal de ensino, estavam com o prazo
de validade vencido, no mês de junho, ou a vencer, agora no fim de
julho.
O problema chamou a atenção da responsável pelo setor, Jaqueline
Portela Fontenele, assim que a mesma assumiu a função, no dia 12 de
junho deste ano, com a nova gestão, após as eleições suplementares que
elegeram novo prefeito, no dia 3, daquele mês.

Grande parte da merenda foi encontrada nas escolas, após minuciosa
vistoria. “Então, repassamos o problema para a Controladoria do
Município, que determinou que retirássemos tudo. Acumulamos mais de 6
mil pacotes de biscoitos fora da validade, com cerca de meio quilo do
produto, em cada pacote; mais de 2.200 quilos de arroz contaminado com
gorgulho; muitas caixas de óleo e quilos de carne vencida, além de
pacotes de rapaduras, completamente mofadas”, pontua a responsável pelo
depósito, que também reforça a falta de planejamento e distribuição
anterior, já que muitas mercadorias “se encontravam impróprias para o
consumo humano, e muitas prateleiras estavam vazias de estoque”, explica
Jaqueline.
Segundo Acássia Cunha Alves, controladora Geral do Município, a
Secretaria de Educação, juntamente com a Controladoria, oficiou todos os
fornecedores, que entregaram a merenda em dezembro de 2017, para que
haja a troca desses produtos.
Providências
“Ainda não temos a dimensão do prejuízo ao erário, mas aproveitamos o
período de férias escolares para entramos com outra merenda, por meio de
ordens de compra já emitidas. O depósito já está sendo reabastecido
para a retomada das aulas”, afirma a controladora, que acionou o
Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE). “Uma equipe do MPCE já
verificou a situação, in loco, e estamos preparando um relatório a ser
encaminhado à Promotoria de Justiça, com as medidas a serem tomadas”.
Juntamente com o relatório a ser entregue ao Ministério Público, outro
documento denuncia o mesmo problema à Justiça, desta vez, no setor da
saúde. O estoque de medicamentos está completamente comprometido. Grande
parte dos remédios está fora do prazo de validade. Dipirona injetável,
sulfato ferroso, medicamentos para pressão e diabetes, leite para
recém-nascidos, além de anticoncepcionais, fazem parte da lista
levantada pela Gestão Municipal. A maioria venceu entre 2017 e o início
deste ano. “Enquanto as prateleiras estão cheias de medicamentos fora da
validade, as farmácias dos postos estavam vazias. Recebemos muitas
reclamações sobre isso, até porque é medicação gratuita e bastante
procurada, que não pode faltar nos PSFs”, informa o coordenador do
estoque, Iago Nunes. “Estamos montando a planilha de gastos para
contabilizarmos o desperdício. Parte do estoque foi renovada, para
minimizar o impacto, em um primeiro momento”, reforça.
Comprometimento
A Secretaria de Saúde Municipal montou uma equipe para levantar toda a
situação. O relatório final, a ser apresentado ao MPCE, ainda está em
andamento, segundo a secretária Alana Karen Serra. “Por enquanto, a
medicação segue estocada, mas será incinerada, no momento propício. Por
conta disso, estamos com grande falta de remédios variados nos postos.
Mas nossos problemas vão além. É algo que compromete toda a rede, pois
encontramos uma Secretaria sem nenhuma licitação em relação a material
médico hospitalar. Por meio da Programação Pactuada e Integrada (PPI),
com o Estado, temos conseguido renovar o estoque. E a Controladoria
Municipal já detém a cotação para aquisição de novos medicamentos por
meio de licitação”, finaliza.
Procurado pela equipe de reportagem do Diário do Nordeste, o
ex-prefeito Luiz Menezes, não respondeu às ligações até a publicação da
matéria.

Diário do Nordeste