Você está em: Home NACIONAL Temer sofre 1ª derrota na reforma trabalhista


Para “surpresa” do governo, como definiu o próprio ministro-chefe da Secretaria Geral da Presidência, Moreira Franco, a reforma trabalhista não foi aprovada na Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado. A derrota de ontem por 10 a 9 se consolidou com três votos de governistas: o peemedebista Hélio José (DF), o tucano Eduardo Amorim (SE) e Alencar (PSD-BA).
 
O Palácio do Planalto contava que teria 11 votos na Comissão, mas, de última hora, saiu prejudicado na primeira derrota do conjunto de reformas propostos pelo governo de Michel Temer (PMDB). Apesar do revés, o texto - relatado pelo tucano Ricardo Ferraço - segue para a Comissão de Constituição de Justiça (CCJ) e então para o Plenário, onde precisa de maioria simples para ser aprovado. Antes, já havia tido aprovação na Câmara e na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado, presidida por Tasso Jereissati (PSDB-CE). 

Moreira Franco reconheceu que o resultado foi um “sinal ruim” que cria insegurança e dúvidas com relação à recuperação da economia. Ele disse ainda que a parte da base que votou contra “não cumpriu o compromisso”.

Para o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), a derrota foi fruto de falta de articulação, em parte, pela ausência de lideranças que viajaram com o presidente Temer para a Rússia. 

“Podia ter adiado, mas o líder do governo (Romero Jucá) preferiu, mesmo sabendo que poderia ter essa votação da forma como foi, perdida por um voto, ele optou por manter o calendário”, lembrou. O senador reafirmou seu compromisso de colocar a reforma trabalhista em votação ainda neste semestre.


O Povo
Caderno: NACIONAL
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire