Você está em: Home CARNAVAL , CIDADE , GOVERNO , IPU , PRINCIPAL , VIDEOS Vìdeo: Carnaval de Ipu transcorre sem incidentes graves ou de destaque


Na cidade Ipu, na região da Ibiapaba não houve incidentes graves ou de destaque durante os quatro dias de Carnaval. Apenas casos pontuais, como atendimento à pessoas embriagadas e princípio de confusão, comuns na festa e alguns casos de furtos. A sem precisar o número de participantes a prefeitura estima que milhares de visitantes estejam passado pelas festividades.

"Pelo volume de pessoas que estiveram no local do Carnaval, na Praça da Estação, curtindo o Carnaval podemos avaliar que tudo correu tranquilo, sem nenhuma ocorrência grave ou de destaque, apenas casos rotineiros", avaliou o comandante da Policia Militar da cidade.

De acordo com o secretário interino de Segurança Pública, Major Eucir, para o Carnaval, a cidade recebeu um reforço no efetivo da Polícias Militar, além de contratação de seguranças particulares e o esforço da Guarda Municipal. "Nos últimos oito anos o nosso Carnaval tem sido um dos mais seguros do estado." disse. 

Durante os quatro dias de folia os ipuenses curtiram as bandas:  Luis Marcelo e Gabriel, Laninha Show, Andrezim, Pé de Ouro, Banda Afoxé, Forró Praquê?, Saradões do Forró, Matheus Bil e o Paredão do Posto Pessoa. 

Vídeo

Confira no vídeo abaixo um resumo de como foi o Carnaval de Ipu o IPU FOLIA 2017.



Imagens: Anselmo Bandeira / Ipu Notícias
Áudio: Thiago Gravações / Tô nas Farras.com


Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire