Você está em: Home NACIONAL Ex de atirador da chacina registrou 5 queixas contra ele na Polícia Civil


A ex-mulher do atirador da chacina de Campinas (SP), Isamara Filier, de 41 anos, registrou cinco boletins de ocorrência (BO) contra Sidnei Ramis de Araujo, de 46 anos, ao longo de dez anos. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP) do estado de SP, o primeiro BO foi em 2005 por ameaça e injúria.

Isamara, o filho de 8 anos com Sidnei e mais dez pessoas da família dela foram assassinados durante uma festa de réveillon, entre a noite do dia 31 de dezembro e a madrugada de 1º de janeiro. Sidnei invadiu o local atirando e atingiu 15 pessoas; 11 morreram no local e quatro baleadas foram socorridas, mas uma não resistiu aos ferimentos. O filho foi o último a ser morto antes de Sidnei cometer suicídio. 

Sidnei deixou uma carta de oito páginas contando a motivação do crime e a revolta com o fato de ter horários restritos para ver o filho uma vez por semana. Em 2013, Isamara denunciou Sidnei por abuso contra a criança.

Ele chegou a ser proibido pela Justiça de visitar o filho e, depois, houve a restrição das visitas, quando psicólogos não atestaram o abuso, mas sim que Sidnei tinha "comportamento inadequado", segundo a advogada de Isamara , Lúcia Helena de Castro Xavier.

G1
Caderno: NACIONAL
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire