Você está em: Home NACIONAL Em primeira viagem ao Nordeste, Temer visita Ceará hoje


Em sua primeira viagem ao Nordeste desde que assumiu a Presidência da República em 31 de agosto, Michel Temer (PMDB) visita, hoje, o Ceará e mais dois estados. Na capital cearense, o presidente deverá assinar a regulamentação da Lei nº 13.340, autorizando a liquidação e renegociação de dívida de crédito rural de trabalhadores prejudicados pela seca no Nordeste, no valor total de R$ 17 bilhões. Só no Ceará, serão R$ 2,2 bilhões em 134 mil operações de crédito. É o 2º maior número da região.

Ao todo, será alcançado 1,5 milhão de agricultores no Norte de Nordeste. No Banco do Nordeste (BNB), serão 860 mil operações de crédito rurais que poderão ser liquidadas com descontos de até 95% da dívida. Segundo o senador Eunício de Oliveira (PMDB), Temer ainda entregará mais de 5 mil novas casas do programa “Minha Casa Minha Vida”, construídas em Fortaleza, Caucaia, Sobral, Juazeiro do Norte e Barbalha. O Governo do Estado, porém, afirma não ter conhecimento da entrega. O evento contará coma presença do governador Camilo Santana (PT),

O Ceará é o último destino presidente Michel Temer, que deve passar antes por Pernambuco e Bahia, chegando em Fortaleza por volta das 14 horas. Ele seguirá, então, para reunião na sede do BNB, prevista para iniciar às 15 horas, onde assinará o Decreto Regulamentador da Lei nº 13.340 e entregará as 5 mil casas, segundo Eunício.

De acordo com Eunício Oliveira, relator da Medida Provisória (MP) nº 733 que deu origem à Lei nº 13.340, foi feito um relato de convênios com o Estado “na questão da seca”, junto ao ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, e Michel Temer. “Levamos nossa preocupação ao conhecimento do presidente e ele prontamente nos atendeu. Com a regulamentação, os pequenos agricultores terão nova oportunidade de retomar suas produções, manter seu nome limpo e não se submeter a qualquer risco de perder suas propriedades”, disse Eunício.

Noventa por cento dos produtores rurais beneficiados são adeptos do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). O agricultor beneficiado também estará livre de pagamento de honorários advocatícios ou de custas processuais, caso esteja em cobrança judicial.

O Povo
Caderno: NACIONAL
Obs.: Os comentários abaixo postados, não refletem as opiniões do Ipu Notícias
Comentários
0 Comentários

0 comentários

Faça seu Comentário

Todos os comentários são lidos e moderados previamente
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria
- Não serão aceitos comentários difamatórios
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros sites ou blogs

OBS.: Comentários dos leitores não refletem as opiniões do IN

2010 - Portal Ipu Notícias . Todos os Direitos Reservado. - Desenvolvido por Fagner Freire